J.A Peças e Serviços

Aqui o seu carro, moto e bicicleta é bem cuidado, venha e confira nossas instalações...

Anuncie conosco

Quer ser visto? anuncie seu trabalho, sua loja, seu projeto e veja o resultado que...

Kamila Káren - confira agenda da cantora:

Mais que músicas, bençãos em suas vidas...

Acessem o site da Assembleia de Deus Serra do Mel

Conheçam o portal da Igreja em Serra do Mel e conheça um pouco mais sobre...

Pr. Demetrius e Pr. Angélica

Conheça o blog do ministério dos...

domingo, 28 de fevereiro de 2016

16º ano do Pr: João de Deus a frente da AD em Serra do Mel, e 74 novos membros descem as Águas


No dia 27 de fevereiro de 2016, aconteceu a Reunião de Obreiros da AD em Serra do Mel, presidida pelo querido pastor João de Deus Barreto.

Durante a Reunião também foi realizado o batismo de 74 novos membros, com Profissão de Fé conduzida pelo Pr: João de Deus, os candidatos ao batismo  expuseram sua Fé publicamente, confirmando o desejo de sepultar os pecados e viver uma nova vida em Jesus Cristo.

A data acrescenta mais um capítulo na marcante história do Pastor João de Deus,  são 16 anos afrente da Assembleia de DEUS em Serra do Mel, uma trajetória de muitos obstáculos e lutas mais também cheio de vitorias, para honra e gloria do no nome de Jesus.

Após a reunião, aconteceu no templo sede o Culto  de Santa Ceia e Gratidão ao Senhor pelos 16 anos de pastorado, o expositor da palavra foi o Pr: João Junior que atualmente reside no estado de Minas Gerais, uma mensagem poderosa e cheia da presença de DEUS, vivenciamos momentos de muito gozo espiritual.

O pastor apresentou os novos membros à Igreja, ultrapassando o número de 1800 membros.

Parabéns ao Pastor João de Deus pelo excelente Trabalho desenvolvido na AD em Serra do Mel.

PR: JOÃO DE DEUS  E OS 74 CANDIDATOS



PB: FRANCISCO E PB: IVONE RESPONSÁVEIS POR DESCER OS CANDIDATOS AS ÁGUAS 








PR: JOÃO JUNIOR E PR: JOÃO DE DEUS

DC: KEMUEL BARRETO, PR: JOÃO DE DEUS, PB: JOSENILDO TAVARES E PREFEITO FABIO BEZERRA 

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

O Zika vírus é o cumprimento das profecias de Jesus em Lucas 21:23 e Lucas 23:29 ?

O Zika vírus é o cumprimento das profecias de Jesus em Lucas 21:23 e Lucas 23:29


Você Pergunta: Tem circulado na Internet um banner dizendo que a atual epidemia do Zika Vírus e, principalmente, o fato de estarem ligando esse vírus a casos de crianças que estão nascendo com microcefalia, é o cumprimento do que Jesus afirmou nos textos de Lucas 21:23 e Lucas 23:29. O que você acha isso, será que realmente são profecias de Jesus sendo cumpridas?

Cara leitora, eu também vi esse banner e recebi muitos questionamentos sobre isso no WhatsApp e resolvi esclarecer esses dois textos para que tenhamos certezas sobre os fatos. Vamos, então, a resposta.


(1) O primeiro texto citado é Lucas 21:23. Vejamos: “Ai das que estiverem grávidas e das que amamentarem naqueles dias! Porque haverá grande aflição na terra e ira contra este povo” (Lucas 21:23). A chave para entender esse texto é identificar quais são “naqueles dias” citados por Jesus. Avaliando o contexto, observamos que esses dias aos quais Jesus faz referência é a destruição de Jerusalém: “Quando, porém, virdes Jerusalém sitiada de exércitos, sabei que está próxima a sua devastação. Então, os que estiverem na Judeia, fujam para os montes; os que se encontrarem dentro da cidade, retirem-se; e os que estiverem nos campos, não entrem nela. Porque estes dias são de vingança, para se cumprir tudo o que está escrito. (Lucas 21:20-22). Jesus se refere a futura destruição de Jerusalém e não aos nossos tempos. Esse sofrimento dos moradores de Jerusalém, sabemos, aconteceu em 70 d.C, quando Jerusalém foi sitiada pelos romanos comandados pelo General Tito. Portanto, Jesus não está falando do que está acontecendo em nossos dias, mas sim em dias muito próximos aos que Ele vivia.

(2) O outro texto a ser analisado é Lucas 23:29: “Porque dias virão em que se dirá: Bem-aventuradas as estéreis, que não geraram, nem amamentaram”. Novamente a chave para entender esse texto é identificarmos que “dias” são esses que virão. Será que Jesus está falando de nossos dias, onde temos um vírus causando, possivelmente, microcefalia nos bebês e deixando as grávidas em grande tensão? Novamente a resposta é não. Jesus está se dirigindo ao seu próprio povo. Aquelas mulheres que ali estavam lamentando a condenação injustiça de Jesus passariam por coisas piores por causa da injustiça reinante na terra: “Porém Jesus, voltando-se para elas, disse: Filhas de Jerusalém, não choreis por mim; chorai, antes, por vós mesmas e por vossos filhos!” (Lucas 23:27). Aqui fica claro que a profecia de Jesus era algo para aquele povo e para aquelas gerações próximas. Novamente a referência de Jesus é claramente à destruição de Jerusalém que aconteceu em 70 d.C. e que trouxe grande ansiedade aos judeus, devido à violência empregada pelos romanos, que destruíram o templo sagrado dos judeus, bem como deixaram a cidade de Jerusalém em ruínas. Nesses dias, muitas mães perderam filhos e tiveram de abandonar seus bebês para sobreviver, ou mesmo, morreram junto a eles, tamanha a violência empregada. As estéreis foram tidas como mais felizes, por não terem passado por tamanha dor.

(3) Dessa forma, observamos que esses dois textos não são profecias de Jesus quando aos acontecimentos de hoje em dia relacionados ao surgimento do Zika Vírus. Mas temos outros textos escatológicos de Jesus que explicam um pouco do que tem acontecido em nossos dias, principalmente relacionados à violência e a outros acontecimentos como, por exemplo, este: 
E, certamente, ouvireis falar de guerras e rumores de guerras; vede, não vos assusteis, porque é necessário assim acontecer, mas ainda não é o fim. Porquanto se levantará nação contra nação, reino contra reino, e haverá fomes e terremotos em vários lugares” (Mateus 24:6).

Compartilhe com outros irmãos:



www.esbocandoideias.com

Presbítero André Sanchez

Luto contra meus desejos sexuais.





Saber lidar com os desejos sexuais é um grande desafio para qualquer um, principalmente para os jovens que vem se guardando para o dia do casamento, por diversos lados são atacados, pois a pornografia e toda sorte de impureza está estampada por todos os lados. Tem pessoas que passam a maior parte do seu dia pensando em alguém, em sexo ou coisa dessa natureza, existe casos de pessoas que faz questão de entrar em uma loja, fechar os olhos e imaginar ou percorrer um caminho mais longo somente para satisfazer seu desejo sexual, e quem vive dessa maneira com certeza vive uma guerra e por muitas vezes se encontra fraco para vencer e quando alimentamos esses pensamentos, estamos dando mais força ao nosso inimigo e numa guerra o soldado tem que fazer de tudo para desarmar o inimigo e vence-lo.

É bom lembramos que os desejos sexuais em si não são errados, pelo contrario, isso mostra que está funcionando bem a sua vida sexual. Afinal Deus criou o homem e a mulher com forte atração um pelo outro, é claro que só deve satisfazer esse desejo depois do casamento, se você é solteiro não precisa se sentir a pior pessoa do mundo, porque tenha certeza que todas as pessoas também passam por essa fase e a sua postura como cristão é pensar nas coisas que são de cima e controlar seus pensamentos. Mas como fazer isso?
  • Lendo diariamente a Palavra de Deus
  • Orando e Jejuando
  • Evitando amizades que possa levar você a pensar em coisas imorais 
  • Evite assistir filmes que tem muitas cenas de nudez
  • Evite entrar em sites que provocam os impulsos sexuais.

Certo jovem conversou comigo e falou como foi que ele chegou a pratica da masturbação e sabemos que pela palavra de Deus é pecado. Masturbar-se é exatamente o oposto de ‘amortecer o apetite sexual’. Na verdade, essa prática estimula e aumenta ainda mais esse “apetite”! Ele conta que até chegar à masturbação teve um caminho que foi percorrido, quando satisfazemos os desejos da carne que são opostos aos do Espírito acabamos cedendo aos desejos sexuais, ele conta que logo após foi para a masturbação e só encontrou um prazer temporário, logo depois sentiu um vazio e daí veio a necessidade de mais. E satisfazer os desejos sexuais só vai nos levar por esse caminho, o vicio e depois que estiver viciado só Deus pode libertar.

Por isso que podemos seguir um caminho contrario, e com a ajuda de Deus controlar nossos pensamentos para que possamos está mais conectado com Cristo e fugir das ciladas do Diabo, que tenta nos prender em cadeias espirituais e nos deixar mais distante dos propósitos de Deus. “Quando eu sinto os impulsos sexuais chegando”, diz um cristão, “obrigo-me a orar”. É claro que Deus não vai eliminar seu interesse pelo sexo oposto. Mas com Sua ajuda, você pode descobrir que há muitas outras coisas em que pensar. [tópico retirado do site wol.jw.org]

Lembre-se Deus peleja por nós, precisamos ser fiel a Ele em todos os sentidos de nossa vida, se o desejo está forte e você já está no limite e até pensou em ceder lembre-se que Deus está torcendo para que você fique cada vez mais forte com o auto controle e escolha viver uma vida de santidade, pode ter certeza que Ele vai te ajudar a vencer.


Por Rinaldo Ribeiro

Geração Jovem

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Porque os cristãos não deve assistir Deadpool?


Filmes de super-heróis estão em alta no cinema. Em especial os produzidos pela Marvel. O mais recente deles, Deadpool, estreou na semana passada em vários países. Em seu primeiro dia de exibição nos cinemas dos Estados Unidos, bateu o recorde de arrecadação.
É o filme com melhor desempenho numa quinta-feira de fevereiro na História. O longa dirigido por Tim Miller somou US$12,7 milhões. No Brasil, no primeiro dia de exibição, o filme levou mais de 350 mil pessoas aos cinemas e arrecadou cerca de R$ 5 milhões.
O diferencial de Deadpool em relação aos outros filmes do gênero – geralmente recomendado para maiores de 12 anos – é que ele só pode ser visto por maiores de 16 anos. O motivo é por conter “violência e linguagem fortes, conteúdo sexual e nudez”.
A história mostra como Wade Wilson, ex-agente das Forças Especiais, se tornou um mercenário. Após ser submetido a um experimento, ficou com poderes de cura acelerada. Ele se torna então Deadpool, um anti-herói, conhecido pelo humor negro e distorcido.
O teólogo e escritor John Piper deixou bem clara sua opinião em um de seus podcasts. O material está disponível em seu site.
Basicamente, defende que os cristãos não deveriam ver filmes e programas de TV que contenham nudez. Ele elaborou um tipo de “lista” com sete motivos que servem para julgar não apenas Deadpool, mas muito do que é consumido como entretenimento.
Alternando referências bíblicas com ponderações a partir da interpretação delas, logo no início já lembra a admoestação de Jesus “Se teu olho direito te faz pecar, arranque-o e jogue fora” (Mateus 5.28-29).
Ele lembra que ver pessoas nuas em uma tela faz com que inevitavelmente surjam pensamentos impuros em quem assiste. Lança então um desafio: “Se Jesus nos mandou guardar nosso coração, mesmo que fosse necessário arrancar nossos olhos para nos prevenir da cobiça, quanto mais ele diria: “Não assista!”?
Em seguida, ressaltou que ver nudez de alguém que não seja o cônjuge, “reduz a capacidade do coração de ver e se deleitar em Deus”. Pediu ainda que os cristãos considerem que esse tipo de entretenimento nos faz partilhar do pecado alheio. Questiona se oramos pelas mulheres que aparecem nuas na tela e se ficaríamos “feliz” se nossa filha ou esposa “fizesse este papel”.
Declara ainda que “nenhum grande filme ou série de televisão precisa de nudez para acrescentar à sua grandeza”. Mas as cenas são colocados no ar por que ajudam a vender.
Ao mesmo tempo, o Christian Today fez uma análise sobre o filme. Classificou-o como um bom filme para os padrões de hoje em dia, que deverá ter muito sucesso e gerar continuações.
Contudo, o tom do site é justamente na mudança dos padrões da sociedade, inclusive dos cristãos. Afirma que o longa pode se tornar um “ponto cultural de referência na cultura juvenil”. Justamente por isso, lembra que 20 anos atrás esse tipo de filme geraria uma grande insatisfação nos cristãos por “advogar a violência e o sexo gratuito”, mas que hoje não gera muito debate e muito provavelmente será um sucesso também entre os cristãos que gostam de cinema.
Para o jornalista Martin Saunders, que assina o artigo, esse é justamente o perigo, pois nos mostra que não usamos Filipenses 4 como medida do que devemos assistir. Informações Gospel Prime

Evangélico e Ex-Vocalista Da Banda Secular Calcinha Preta, Daniel Diau Sai Do Gospel e Volta a Cantar Forró





O cantor Daniel Diau, uma das principais vozes da banda de forró Calcinha Preta, deixou a música secular em junho de 2008 para se dedicar ao gospel. Seu primeiro projeto foi o CD “Verdadeiro Amigo”, lançado de forma independente. Ele viajou o país divulgando seu trabalho, pregando sermões e contando seu testemunho de quando “era do mundo”, e sempre houveram boatos de que ele voltaria ao Calcinha Preta, o que sempre foi negado por ele.

No entanto quinta-feira (11) as cantoras Paulinha Abelha e Silvânia Aquino, que formavam com Daniel o vocal da banda de forró, anunciaram também seu desligamento do Calcinha Preta, e adiantaram que estão começando um novo projeto, junto com Daniel, que voltará a cantar músicas não religiosas.

Em entrevista ao G1, Paulinha disse que a ideia era antiga e estava sendo amadurecida: “Agora decidimos que é a hora de deixar a banda e seguir para o novo projeto. Queremos conquistar novos espaços. Já sai da banda, integrei outra, fiz uma dupla de forró com o Marlus mas tivemos que retornar. Agora é outro momento e vamos começar de novo. A nossa história com a Calcinha Preta foi linda e levamos todos os fãs e momentos especiais. O ciclo foi encerrado e estamos prontas para iniciar outro”.

Paulinha disse ainda que o novo projeto tem parceria com Fernando e Sorocaba: “Estamos felizes e vamos realizar um sonho lindo de voltar a cantar juntos”, completou.

Nesta terça-feira (16), o público teve conhecimento oficial do nome escolhido para o novo grupo. Gigantes do Brasil, assim foi batizada a união dos 3 cantores.

Fonte:Portal Do Trono\Forró Dicumforça

Os 10 pastores que respeito e admiro


os dez pastores que respeito e que admiro

Há alguns dias escrevi um artigo que provocou muitos debates por aqui, mostrando em meu ponto de vista, os 10 pastores que não respeito e não admiro. Na sequência dessa série, destacarei agora aqueles que merecem toda a admiração e respeito devido à forma como tratam o ministério pastoral. Abaixo segue a minha lista.

1- O que não é perfeito, mas que busca ser exemplo do rebanho = Esse pastor sabe de suas limitações, sabe que não é melhor do que ninguém, sabe que é um pecador resgatado pelo sangue de Cristo. Ele, porém, sabe também da missão que Deus lhe deu e busca conduzir suas ovelhas no caminho dado pelo Supremo Pastor, sendo, antes de todos, o primeiro a vivenciar a Palavra de Deus em sua vida para testemunhar a outros. Ele tem todo cuidado nessa questão e pode-se ver em sua vida um homem que busca viver o evangelho e não somente falar dele. É humano, tem seus erros, e não faz questão de passar uma imagem de todo poderoso.

2- O que faz cultos Cristocêntricos = Esse pastor busca glorificar a Cristo nas ministrações que preside. Busca conduzir todas as coisas para que Cristo cresça e todo o resto diminua. Do primeiro ao último minuto de seus cultos busca apresentar a Cristo e conduzir as pessoas a Ele. É sensível ao observar e corrigir coisas que tentam competir com a centralidade de Cristo nos cultos.

3- O que não tem medo de pregar a Palavra de Deus = Esse pastor não faz média, antes, entrega a palavra de Deus conforme a Bíblia a revela. Ele não usa de técnicas melodramáticas para tocar o coração dos seus ouvintes. Ele busca antes de tudo, que o Espírito Santo revele a Palavra aos seus ouvintes, conduzindo-os à presença viva de Deus. Sabe que muitas vezes irá desagradar pessoas na sua pregação, mas é fiel às verdades que Deus lhe manda pregar.

4- O que não crê que os fins justificam os meios = Esse pastor é totalmente dependente de Deus em seu ministério. Ele conduz a igreja a andar nos caminhos corretos de obediência ao Senhor e não nos caminhos tortuosos que o coração humano propõe e que visam, antes de tudo, resultados que premiam o trabalho realizado. Para ele o mais importante é fazer a vontade de Deus usando os meios dados por Deus.

5- O que é obediente a Deus mesmo não vendo resultados palpáveis = Esse pastor gosta de ver os resultados de seu trabalho, porém, não é guiado por esses resultados. É guiado pela obediência e direção de Deus. Mesmo, às vezes, não vendo resultados pontuados pelas pessoas como o ‘sucesso’, continua sendo fiel e o pastor responsável por certo número de ovelhas dadas por Deus. Para ele, cumprir a missão de Deus não é encher a igreja de gente a qualquer custo, mas sim obedecer a Deus e confiar a Ele os resultados do trabalho, seja quais forem.

6- O que não faz a si mesmo o “bam-bam-bam” da igreja = Esse pastor sabe fazer suas ovelhas entenderem a diferença entre admiração e bajulação. Ele não aceita ser bajulado e até adorado como se fora mais do que os outros ou até mesmo um quase deus. Coloca-se na posição de servo, tem prazer de trabalhar em equipe e de ver suas ovelhas se desenvolvendo em seus ministérios, e sempre reitera que ele também é ovelha do rebanho de Deus. Não deixa o ego assumir o controle. Ele não é um ídolo dentro de sua igreja.

7- O que não explora financeiramente suas ovelhas = Esse pastor não é ignorante, não acredita que as dívidas da igreja são pagas como que por milagre. Ele sabe das possibilidades da sua igreja e não usa ameaças e nem promessas que a Bíblia não faz para que suas ovelhas contribuam com o trabalho. Ele sabe instruir corretamente sua igreja sobre o que a Bíblia diz a respeito das contribuições para o reino de Deus. Não faz dos momentos de ofertório o momento mais importante do culto e nem do dinheiro o deus e a confiança maior da igreja. Trabalha a parte financeira da igreja com dignidade, ética e transparência.

8- O que não tem medo de ensinar profundamente a Bíblia às suas ovelhas = Esse pastor não faz doutrinas em cima de textos isolados da Bíblia, por isso, não tem medo de ensinar suas ovelhas a serem questionadoras, estudantes profundas da Bíblia. Ele tem porta aberta ao diálogo e aos questionamentos. Por isso, os cultos que preside são banquetes de aprendizado e quebrantamento, onde a Palavra de Deus reina soberana como fonte de ensino e a regra de fé e prática. Por ser assim ele sabe que precisa sempre beber dessa fonte para também poder dar de beber cada vez mais aos seus discípulos.

9- O que ora sempre buscando em seus pedidos que seja feita a vontade de Deus em primeiro lugar = Esse pastor não ousa sequer pronunciar palavras de ordem a Deus. Ele sabe quem é Deus, sabe de Seus atributos grandiosos. E mais, sabe exatamente que ele é apenas um homem imperfeito, que está de pé pela graça de Deus. Por isso, em suas orações ele é dependente de Deus e não o chefe de Deus.

10- O que tem cheiro de ovelha = Esse pastor é pastor que pastoreia de verdade. A sua missão de vida é pastorear e não fazer fortuna com o rebanho vendendo suas peles e carnes! Chegue perto dele e sentirá o cheiro das ovelhas. Isso porque ele fica muito perto, ele acompanha, ele se preocupa com elas. Ele as ama de verdade, mesmo que elas não tenham nada para dar-lhe em troca. Ele as acolhe, ele cumpre seu trabalho cabalmente como bom trabalhador que não tem de que se envergonhar.

E VOCÊ, TEM ALGUM PASTOR QUE RESPEITA E ADMIRA?


www.esbocandoideias.com
Presbítero André Sanchez

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Os 10 pastores que não respeito e não admiro




Os 10 pastores que não respeito e não admiro



Maus líderes existem aos montes dentro das igrejas. O joio está espalhado dentro da igreja como ensinam as escrituras (Mt 13. 26). Isso não é novidade para ninguém. Apesar de designar aqui o termo “pastores” a essas pessoas que citarei abaixo, não tenho a intenção de diminuir aqueles que fazem jus a esse termo tão lindo mostrado nas escrituras, e que realmente pastoreiam de coração as ovelhas do Senhor. Usei esse termo somente para facilitar a identificação dessas pessoas.

Não respeitar aqui não significa faltar ao respeito, pois toda pessoa merece ser respeitada. O dicionário online Priberam define como um dos significados de respeito, o “apreço, consideração, deferência”. É nesse sentido que não respeito e admiro os pastores citados abaixo


1- O que faz do púlpito um palco de shows = A exposição da Palavra é esquecida e substituída pelo talento hollywoodiano desse pastor, que explora as mais diversas técnicas para cativar os seus expectadores, fazendo do show o protagonista do culto. Ele é a estrela e não Cristo e Sua palavra. Seu púlpito é lugar de entretenimento, de show, e não de pregação, de transmissão da voz de Deus.

2- O que explora financeiramente as ovelhas = Esse pastor é muito ambicioso e tem planos de crescimento. Porém, para a realização dos seus planos, precisa de muito dinheiro. E esse dinheiro é retirado das ovelhas, através das mais diversas técnicas de extorsão (legais). Ele não liga para o que a Bíblia ensina e inventa formas de arrecadação para realizar seus sonhos megalomaníacos. As ovelhas são iludidas, exploradas e sugadas até a última gota que podem dar.

3- O que insiste em querer fazer a agenda de Deus = Um pastor que quer determinar lugar, dia e hora para Deus agir não merece meu respeito. Segunda: Deus age na família; terça: nas finanças; quarta: Deus dá o Espírito Santo; quinta: Deus faz conversões e sexta: Deus liberta as pessoas de demônios. Deus agora está preso em uma agenda criada pelo homem?

4- O que ilude as pessoas com amuletos, objetos ungidos e unções que não vem de Deus = Esse pastor escraviza pessoas em crendices e superstições que não são encontradas e ordenadas na Bíblia. Desvia a fé que deveria ser unicamente no Deus soberano para objetos e unções (falsas) e extravagantes. Trabalha com a ilusão, com a ambição, com a falta de conhecimento de muitas das ovelhas que lhe ouvem.

5- O que “profetiza” o que Deus não mandou profetizar = Usa sua influência sobre as pessoas para “profetizar” e “revelar”. Porém, não usa a Bíblia, que é a revelação e é onde se encontram as profecias de Deus para a vida de seus servos.

6- O que faz com que seus fieis o adorem = Ele é visto como um semideus pelos seus fieis. O pior de tudo é que não faz nada para mudar essa situação, pois adora ser paparicado, adora status, adora demonstrar seu grande “poder” e ser ovacionado pela multidão. Seu prazer é ver multidões afluindo em sua direção com desejo de glorificá-lo.

7- O que usa o dinheiro dos dízimos e ofertas para seu próprio enriquecimento = Esse pastor-empresário é formado e pós-graduado em enriquecimento usando a igreja. Tem fortuna e bens luxuosos, tudo adquirido com a ajuda das ofertas da igreja que, segundo diz ele, é usado para a obra de Deus. Ele engana multidões que bancam sua vida de ostentação.

8- O que prega a teologia da prosperidade = Um pastor que diz que pobreza é maldição, que o crente verdadeiro será reconhecido pela sua prosperidade material, e outras abobrinhas sem embasamento bíblico, não merece admiração. Se a Teologia da prosperidade é um câncer, esse pastor é um espalhador de doenças no meio do povo.

9- O que usa versículos isolados da Bíblia para fundamentar doutrinas destruidoras = Esse pastor adora inventar doutrinas usando versos bíblicos isolados, cuja interpretação isolada, sem considerar contextos e outras boas regras de interpretação, favoreça seus pensamentos e desejos.

10- O que [acha] que determina a ação de Deus = É uma piada dizer que um homem determina algo ao Todo-Poderoso, mas essa ousadia acontece. Palavras ousadas saem da boca desse pastor determinando, ordenando, exigindo que Deus faça determinadas coisas que, segundo ele, Deus tem de fazer. Coitado, não tem nem noção da besteira que faz! E o pior: ensina as pessoas a agirem também assim!
Esses são os pastores que não respeito e não admiro.

E VOCÊ, TEM ALGUM PASTOR COMO OS CITADOS QUE NÃO RESPEITA E NÃO ADMIRA?




www.esbocandoideias.com

Presbítero André Sanchez


Como está sua Família?




Olá galera abençoada!!



Hoje vamos falar um pouco sobre família , quando falamos esse nome lembramos logo de lar, harmonia,paz, segurança, lembramos que continua sendo um projeto do coração de Deus.

Mais é uma pena que tudo isso tenha sido pouco vivido entre as famílias, algo criado por Deus está perdendo a essência, por conta do pecado e nosso grande inimigo o DIABO, que tem investido fortemente nas famílias e tem conseguido destruir muitas, mais hoje eu venho alertar você meu querido irmão e irmã, e não falo somente para os crentes, falo também para todo aqueles que ainda não se decidiu pra Jesus ainda há tempo, quem sabe depois dessa coluna você vai se convencer que sem Jesus não dar pra viver!?

Mas vamos voltar ao assunto o diabo que nunca foi amigo de Deus, sempre quis destruir aquilo que Deus criou, e por conta do pecado ele tem encontrado grande brechas nas famílias e tem destruído de forma terrível, mais nos precisamos despertar e vigiar, pois o diabo está furioso querendo destruir as famílias, seja com o álcool,com as drogas, divorcio, e tantas outras invenções malignas que ele tem jogado no meio das famílias.




Você já parou para analisar quantas famílias tem acabado atualmente em nosso país? Quantos casamentos sendo destruído  por motivos de traição e outras coisas? Tudo isso quem está fazendo é o diabo meus queridos porque Deus nunca foi a favor do divorcio, mas ELE quer que um casal viva junto até que a morte os separe.






Meus queridos amigos é tempo de eu e você vigiar e começar a tirar, tudo aquilo que não vem de Deus de dentro de nossa casa, ensine o menino no caminho que deve andar, não deixe seus filhos jogado e aprendendo com o mundo, mais ensine aquilo que Deus quer que eu e você aprenda, ELE está voltando e o diabo não quer ver ninguém no céu porque ele sabe que o céu é bom, porque ele foi banido de lá.E você que ainda não aceitou a Jesus, mais entendeu o que foi dito aqui nessa matéria não deixe que o diabo, venha entrar em sua família e destrui-la.


por Rinaldo Ribeiro
Geração Jovem

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

O Sangue de Cristo liberta.





Hoje eu vou falar um pouco sobre o sangue de Jesus, que foi derramado na cruz, para nos libertar do pecado, que antes estávamos escravos, mas agora estamos livres e libertos, pelo sacrifício de Jesus na cruz do Calvário.


Oh como nosso Jesus, sofreu, padeceu naquela cruz, foi traído, chicoteado, cuspido, espancado, humilhado, tudo por uma única razão, pelo seu amor pela humanidade, mais muitos não se importa com o que Jesus fez por nós, e vivem uma vida que só mesmo Jesus, que derramou seu sangue na cruz pode libertar.

Você que está lendo, esse estudo pode até dizer a si mesmo, como posso deixar de fazer isso que faço e sei que é errado? Será que Jesus vai mim perdoar? Existe mesmo libertação para isso que eu tenho dentro de mim e não sai, não quer sair?

Eu te digo com toda convicção do mundo que o SANGUE DE JESUS, PODE E VAI TE LIBERTAR DE QUALQUER PECADO, só basta você querer e colocar esse propósito em seu coração, e saiba que Deus vai te honrar e vai te ajudar a vencer, essas tentações, esses desejos ou ate mesmo esses demônios que vem do inferno, para querer tirar a paz da humanidade, Jesus tem poder, ELE É O PRÓPRIO PODER.


por Rynaldo Ribeiro
Geração Jovem

Meditação

Meditação

Somos informados pelas Escrituras Sagradas que a felicidade concedida por Deus é condicionada a meditação diária feita pelos servos de Deus (Salmo 1). Essa meditação é feita na palavra de Deus, apenas assim nossa leitura se torna produtiva nos conduzindo ao nível de perfeição que Deus exige de cada um de nós.
Abaixo segue um modelo de meditação comumente usado por diversos cristãos ao redor de todo o mundo. Esse método tem tornado a leitura bíblica de muitos servos de Deus num ato de profundo crescimento espiritual bem como tem melhorado a compreensão do texto sagrado.
É aconselhável que os cristãos tirem um tempo por dia e pratique esse método para que seja edificado pela leitura da Bíblia. Este método favorece porque nos mostra especificamente o que procurar quando lemos a Bíblia.
Modelo de meditação
1. Versículo chave: O versículo que toca mais forte no momento da leitura.
2. Caráter de Deus: Como Deus se revela no texto ou como o texto revela Deus, ex.: Pai, Pastor, Rei, Juiz, etc.
3. Promessa: Algo que Deu disse que faria ou fará.
4. Condição para receber a promessa:
O que o texto diz que Deus exige para que recebamos a promessa mencionada.
5. Pecado a evitar: Em determinados textos Deus diz: faça isso ou não faça isso, em outros Ele simplesmente fala sobre comportamentos que LHE agradam, neste caso o pecado a evitar seria agir de modo contrario ao que Deus está valorizando no texto lido.
6. Aplicação pessoal: Após obter esse conhecimento sobre o texto bíblico, o que você decide fazer em obediência ao que a Bíblia ensina?


autor(a)

Rosivaldo Silva Santos

Rosivaldo Silva Santos

Pastor, Pregador, Locutor, Escritor, autor de 20 livros. Casado com a Pastora Fernanda Laurindo.

Cadastre seu email e receba nossas novidades