J.A Peças e Serviços

Aqui o seu carro, moto e bicicleta é bem cuidado, venha e confira nossas instalações...

Anuncie conosco

Quer ser visto? anuncie seu trabalho, sua loja, seu projeto e veja o resultado que...

Kamila Káren - confira agenda da cantora:

Mais que músicas, bençãos em suas vidas...

Acessem o site da Assembleia de Deus Serra do Mel

Conheçam o portal da Igreja em Serra do Mel e conheça um pouco mais sobre...

Pr. Demetrius e Pr. Angélica

Conheça o blog do ministério dos...

sábado, 29 de agosto de 2015

7 maneiras de você desanimar seu pastor

7 maneiras de você desanimar seu pastor


Sabemos que Deus estabeleceu em Sua igreja servos que tem a responsabilidade de conduzir as ovelhas de Deus (1 Coríntios 12:28). Esses servos geralmente são conhecidos por nós como pastores. É claro que estamos falando aqui dos bons pastores, aqueles que realmente fazem um trabalho abençoado e guiado por Deus. Existem os maus, mas não queremos falar deles agora.

Pastores são também seres humanos. Por mais estranho que dizer isso possa parecer, têm pessoas que olham para os pastores achando que eles são super-homens, com superpoderes concedidos por Deus. E por acharem isso acabam agindo de uma forma errada com seus pastores, trazendo a eles desânimo e tristeza. Não são poucos os pastores que estão com crises de ansiedade e depressão devido a pressão que suas ovelhas erroneamente impõem sobre eles. Os fatores são diversos, mas hoje gostaria de falar um pouco de sete atitudes nossas, as ovelhas, que desanimam os pastores, que trazem tristeza ao coração deles, que trazem um impacto negativo sobre a vida e ministérios deles e, muitas vezes, também em suas famílias e na própria igreja.

7 maneiras de você desanimar seu pastor
1-) Arrume muitos problemas para seu pastor resolver

Pastor é pago para resolver problemas, não é verdade? Então arrume muitos problemas para ele resolver. Dê preferência para aqueles bem bobos, tipo cortar relações com um irmão da igreja porque ele não te disse boa noite quando passou por você ou brigar por causa de indiretas postadas nas redes sociais, que você acha que foram para você. Não esqueça de falar mal desse irmão para muitas pessoas, assim o pastor terá que tomar uma providência. Ironias à parte, os pastores ficam cansados e sobrecarregados com problemas infantis que muitas pessoas arrumam, gerando uma carga de trabalho grandiosa por causa de quase nada. Por que você não arruma menos problemas insignificantes e busca o amadurecimento nos seus relacionamentos? O pastor será muito abençoado se isso acontecer!

2-) Arrume uma forma de por defeito em tudo que for feito

Pastor tem obrigação de fazer as coisas perfeitas e cuidar para que cada ministério da igreja faça tudo certinho. Ache os erros e faça questão de sempre comunicar ao pastor cada erro em algo que for feito na igreja. Mesmo os erros mínimos, como aqueles erros de digitação que o rapaz que faz o boletim cometeu no último domingo. Cobre o pastor e diga que ele precisa ficar mais atento para que erros não aconteçam. Não se esqueça de comentar com muitas pessoas e se gabar de ter achado um erro “grave” e ter cobrado providências do pastor. Ironias à parte, que tal ser menos crítico destrutivo e ser mais construtivo? O pastor ficará muito animado com pessoas que não o procuram apenas para apresentar críticas a tudo que é feito.

3-) Não elogie nada do que é feito pelo pastor e sua equipe

Pastor não faz mais do que a obrigação quando faz uma coisa bem-feita. Para que elogiar algo que foi bem executado? Isso vai causar vaidade no coração do pastor, melhor não colocar diante dele essa tentação para que ele não fique orgulhoso. Ele precisa ficar humilde e elogios não vão ajudar. Ironias à parte, quando foi a última vez que você fez um elogio ao trabalho de seu pastor e equipe? Será que ele é tão carnal que não saberá lidar com um elogio ao trabalho dele? Pastores também precisam de incentivo.

4-) Nunca diga para ele que está orando pela vida e ministério dele

Fique calado. Nunca se aproxime de seu pastor e diga que tem se lembrado dele em suas orações, afinal, ele é o pastor, não precisa dessas coisas. Aliás, talvez nem precise de tanta oração assim, não é verdade? Ironias à parte, os pastores precisam saber que a igreja tem orado por eles, que se importam com eles. Por que você, como igreja que é, não diz isso ao seu pastor?

5-) Exija que o pastor sempre te atenda na hora e lugar que você quer

O pastor é pago pela igreja para estar sempre disponível. Ligue para ele sempre em horários inoportunos para tratar de questões não urgentes. Se ele te disser que não pode te atender naquele momento ou não atender a sua ligação, fale mal dele para membros da igreja que você sabe que são fofoqueiros. Onde já se viu um pastor não atender um membro? Ironias à parte, às vezes alguns membros tratam seus pastores como se eles fossem um hospital de emergência 24 horas aberto. Pastores também precisam de descanso, de tempo com sua família. Por que você não é mais compreensivo com seu pastor nos contatos que faz com ele? Será que somente ele pode te ajudar a resolver seu problema? E o restante da igreja, onde está?

6-) Fale mal das pregações do pastor pelas costas ao maior número possível de pessoas

Pastores precisam sempre pregar bem e do jeito que eu gosto. Quando alguma pregação não te agradar, critique bastante para outras pessoas, mas nunca ao próprio pastor. Diga que não gostou, diga que foi rasa demais, diga que não sentiu a unção de Deus na pregação dele. O importante é que ele fique sabendo disso, mas não pela sua boca, afinal, é meio chato falar essas coisas diretamente para ele. Melhor que ele fique sabendo de outra forma. Ironias à parte, muitas vezes temos uma crítica ao pastor, mas a fazemos de forma destrutiva e não construtiva. É verdade que nem sempre o pastor está em um bom dia e não são 100% das pregações que são as melhores do mundo todas as vezes. Mas será mesmo que essa é a melhor forma de encarar esse fato? Ou será que, na verdade, não é a minha forma de avaliar que está crítica demais?

7-) Não seja uma ovelha mansa, seja rebelde

Faça muitos atos de rebeldia para chamar a atenção do seu pastor, afinal, você tem opinião própria, não precisa se submeter a nada, tem a sua própria interpretação das coisas de Deus e não precisa de pastor nenhum que te diga o que fazer e como fazer. Ficar ouvindo o que o pastor diz é coisa de crente bitolado e você não vai se submeter a isso. Ironias à parte, muitas vezes a nossa rebeldia é destrutiva e não construtiva. Medimos as coisas pela nossa medida e nem sempre essa medida é aquela medida correta que a palavra de Deus ensina. Dialogue mais com seu pastor com mais mansidão e menos rebeldia.


fonte:www.esbocandoideias.com
Presbítero André Sanchez

Autora diz que “Dez Mandamentos” não é bíblica

Autora diz que “Dez Mandamentos” não é bíblica

A autora de “Os Dez Mandamentos”, Vivian de Oliveira, afirmou ao UOL que não enxerga a produção como uma “novela bíblica”, mas sim como um clássico.
“Ficou marcada como história bíblica porque é inspirada na Bíblia, mas se fosse assim, novelas inspiradas em um texto literário poderiam ser chamadas de ‘novela literária’. Não vejo assim, é uma trama histórica, que poderia ter sido inspirada em um clássico”, afirma.
Vivian escreveu as minisséries bíblicas que fizeram muito sucesso na Record como “A História de Ester”, “Rei Davi” e “José do Egito”, usar a Bíblia para criar esses produtos é novidade no Brasil, mas não nos Estados Unidos como cita a autora.
“A TV brasileira precisa de boas ideias, independente de ser bíblica ou não. Acontece que as bíblicas geralmente são muito boas [risos] e o Brasil está descobrindo isso agora. Hollywood [EUA] já vinha explorando isso”.
Será a Bíblia que inspirará a autora a criar um seriado baseado em “Game of Thrones”. Vivian Oliveira vai assinar o roteiro de “Reinos”, que deve estrear em 2017 retratando a disputa pelos territórios da Babilônia, Macedônia e as terras de Canaã logo após a queda do rei Salomão.
“A cara do projeto é mais ousada mesmo, com uma linguagem mais adulta. A ideia é termos uma narrativa inteligente, com conspiração política, instigante. Nesse caso, a nudez é o que menos interessa”, adianta.
“A Record descobriu um nicho de mercado e que está dando certo, enquanto muita gente acreditava que não daria certo. Fui ganhando experiência e o que mais quero é continuar nesse ramo [temas bíblicos] até que se esgote”, revela.

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

8 Mulheres que Homens cristão nunca deve casar.



Semana passada publicamos uma matéria do site americano Charismamag e foi um grande sucesso de acessos na nossa página, e no outro post falamos dos Homens que as mulheres cristão não deveria nunca se casar. E nesse post o mesmo autor escreve sobre oito mulheres que os homens cristão não deveria se casar. Vamos conferir!!
 1. A Mulher incrédula Na coluna da semana passada, falei para as mulheres que a Bíblia é absolutamente clara sobre este ponto: os cristãos não deveriam se casar com incrédulos. Segunda aos Coríntios 6:14 diz: "Não se vinculados, juntamente com os incrédulos; para que sociedade tem a justiça com a injustiça, ou que comunhão tem a luz com as trevas? "(NVI). Além de sua decisão de seguir Cristo, o casamento é a decisão mais importante que você nunca vai fazer. Não é golpe, ignorando o óbvio. Você precisa de uma esposa que ama Jesus mais do que ela o ama. Coloque maturidade espiritual no topo da sua lista de qualidades que você quer em uma mulher.
2. A menina material. Um jovem amigo meu estava noivo de uma moça de uma família rica. Ele economizou dinheiro por meses para comprar um anel, mas quando ele propôs que ela lhe disse que ele precisava voltar para a loja de jóias para comprar um diamante maior. Ela empurrou seu noivo para entrar em dívida por um anel que se encaixam suas expectativas. Ela queria um estilo de vida diferente daquilo que o seu noivo poderia oferecer. Eu avisei a meu amigo que ele estava em sérios apuros. A menos que você queira viver em dívida para o resto de sua vida, não se case com uma garota que tem cifrões nos olhos dela e oito cartões de crédito em sua bolsa, porque vai dar prejuízo no futuro.
3. A diva. Alguns caras machões gostam de jogar seu peso ao redor e fingir que eles são superiores às mulheres. Divas são a versão feminina deste pesadelo. Elas acham que o mundo gira em torno delas, e elas não pensam duas vezes antes de ferir alguém para provar seu ponto. Suas palavras são duras e suas demandas-estalando dedos não são razoáveis. Algumas dessas mulheres pode acabar em posições de liderança na igreja, mas não se deixe enganar pela sua superioridade espiritual. Os verdadeiros líderes são humildes. Se você não vê a humildade de Cristo na mulher que você está namorando, fique longe dela e continue procurando, Deus vai mandar uma moça que seja segundo o seu coração.
4. A Dalila. Lembra de Sansão? Ele foi ungido por Deus com força sobre-humana, mas ele perdeu o poder quando uma mulher sedutora descobriu o seu segredo e o traio entregando-o aos Filisteus. Como Dalila, uma mulher que não tem rendido sua sexualidade para Deus vai cegá-lo com seus encantos, quebrar seu coração e sua unção. Se a mulher "cristã" que você conheceu usa roupas provocantes, flerta com outros caras, comentários inadequados no Facebook ou lhe diz que ela está bem com o sexo antes do casamento, saia dessa relação antes que ela aprisione você.
5. A mulher contenciosa. Em Provérbios 21: 9 diz: "É melhor morar num canto de telhado do que em uma casa partilhada com uma mulher briguenta." Se a mulher que você está namorando só vive com  raiva e não sabe perdoar, sua vida juntos vai ser arruinada por discursões, porta-batendo e drama sem fim. Insista para que ela obtenha oração e aconselhamento.
6. A controladora. O casamento é uma parceria 50/50, e a única maneira de trabalhar é quando o marido e a esposa praticar a submissão mútua de acordo com Efésios 5:21. Assim como alguns caras pensam que podem executar um casamento como uma ditadura, algumas mulheres tentam manipular as decisões para obter o seu caminho. É por isso que aconselhamento pré-matrimonial é tão importante! Você não quer esperar até que você esteja casado por duas semanas para descobrir que a sua mulher não confia em você. A confiança no relacionamento é de extrema importância.
7. A menina da mamãe. É normal que uma nova esposa chame sua mãe para regularmente dar aconselhamento e apoio. Não é normal ela falar com a sua mãe cinco vezes por dia sobre cada detalhe do seu casamento, incluindo a sua vida sexual. Isso é estranho. No entanto, eu aconselhei indivíduos cujas esposas permitem suas mães (ou pais) o controle total de seus casamentos. Gênesis 2:24 diz que um homem é deixar seus pais e se apegam à sua esposa. Os pais devem ficar no fundo de casamentos de seus filhos. Se a sua namorada não cortou o cordão umbilical, proceda com cautela.
8. A viciada. Assim, muitas pessoas na igreja hoje não foram devidamente discipulada. Muitos ainda lutam com vários tipos de vícios como álcool, drogas ilegais, medicamentos de prescrição ou pornografia. Jesus pode definir uma pessoa completamente livre desses hábitos, mas você não quer esperar até que você esteja casado para descobrir sua esposa não é sóbrio. Você pode ainda ser chamado a se casar, mas não é sábio para amarrar o nó até que sua namorada enfrenta seus problemas de frente.
Sua melhor regra a seguir na escolha de uma esposa é encontrada em Provérbios 31:30: "Enganosa é a graça e a beleza é vã, mas a mulher que teme ao Senhor, essa será louvada." Olhe passado as qualidades exteriores que o mundo diz que são importante, e olhar para o coração.

Retirado do site charismamag.com desde já agradecemos.J. Lee Grady é o ex-editor do Carisma e do diretor do Projeto de Mordecai

Tradução Geração Jovem.com

Deus perdoa qualquer tipo de pecado?

Deus perdoa qualquer tipo de pecado?


Você Pergunta: Cometi um pecado terrível. Desde que cometi esse pecado me sinto suja, triste e muito longe de Deus. Estou me afastando cada vez mais Dele e já não creio que possa ser perdoada. Já pensei até em cometer uma loucura e tirar minha vida, pois me sinto terrível. Será que Deus pode perdoar o meu pecado? Deus perdoa qualquer pecado ou existem pecados que ele não perdoa?

Cara leitora, é importante que nesse momento difícil da sua vida você coloque os pés no chão. Vejo que você está tomada grandemente pelas emoções e isso não tem te deixado pensar racionalmente em tudo que aconteceu em sua vida. Quero muito te ajudar a entender essa situação para que você consiga sair disso. Vamos pensar juntos a respeito do que a Bíblia diz sobre o perdão de Deus aos nossos pecados.

Deus perdoa qualquer pecado?

(1) Sobre o perdão de Deus aos pecados que cometemos, a Bíblia é bem clara quando diz que “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça” (1 João 1:9). O que Deus exige de nós é o arrependimento e a confissão. Essas duas ações demonstram que estamos dispostos a construir uma nova história, lutando contra o erro. A Bíblia é clara quando afirma que Deus perdoa sim o arrependido.

(2) A única exceção apontada na Bíblia é contra o pecado de blasfêmia contra o Espírito Santo. A Bíblia afirma que esse pecado é imperdoável. Explicamos o que ele significa aqui neste artigo. Mas em linhas gerais, aquele que comete esse pecado imperdoável não chega a se arrepender, pois permanece na dureza de seu próprio coração. Não é o seu caso, com certeza.

(3) Algumas pessoas, porém, são tomadas por um sentimento de culpa tão grande, que muitas vezes, chegam a questionar se Deus as perdoou. Mas na realidade o que ocorre é que a própria pessoa não se perdoa. Muitas vezes temos expectativas de agir de uma forma, mas agimos de outra e decepcionamos a nós mesmos. O apóstolo Paulo observou muito bem essa realidade: “Porque não faço o bem que prefiro, mas o mal que não quero, esse faço” (Romanos 7:19). O diabo se aproveita muitas vezes dessa nossa decepção com nós mesmos e nutre a nossa culpa, de forma que, mesmo perdoados por Deus, ainda nos culpamos. Nesse caso, precisamos aprender a nos perdoar e a nos dar uma nova oportunidade de fazer diferente assim como Deus nos dá.

(4) É importante observar também que às vezes achamos que Deus não irá perdoar determinado pecado por acharmos que ele é muito grave. Realmente, existem pecados muito graves, mas a Bíblia nos mostra que Deus sempre acolherá o arrependido: “Sacrifícios agradáveis a Deus são o espírito quebrantado; coração compungido e contrito, não o desprezarás, ó Deus” (Salmos 51:17). Jesus mostrou essa realidade quando perdoou uma prostituta, quando perdoou um ladrão que fora crucificado ao Seu lado, quando se aproximou de pessoas que tinham cometido pecados graves e as transformou.

(5) Assim, concluímos que Deus sempre perdoará o arrependido, mas que o arrependido precisa também se perdoar e buscar construir uma nova história, agora seguindo aquilo que agrada a Deus, vivendo uma nova vida. Foi o que Paulo observou na vida dos crentes de Éfeso, quando testificou a mudança de vida deles: “Pois, outrora, éreis trevas, porém, agora, sois luz no Senhor; andai como filhos da luz” (Efésios 5:8). Assim, leitora, dome suas emoções, creia no que diz a Palavra de Deus e goze da bênção do perdão e restauração que o Senhor pode realizar em sua vida.



fonte: www.esbocandoideias.com
Presbítero André Sanchez 

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Esse vício vai matar você.




Por esses dias fiquei muito preocupado em ver muitos jovens, crianças e até adultos enfrentando um grande problema dos nossos dias.

- O Vício.

Ao examinarmos a Bíblia Sagrada observamos que o diabo veio para roubar, matar e destruir e sabendo disso vemos que ele tem trabalhado pesado na vida de muita gente, colocando vícios terríveis de ser deixado, mesmo lutando esses crentes não tem obtido sucesso e com isso a carne vem sendo alimentada e a gente sabe o que acontece quando deixamos de alimentar a carne e passamos a alimentar os desejos carnais.  Nesse post eu vou tentar ajudar você a mudar essa situação, é claro que vou dar os passos de como fazer, mas você terá que contar com a ajuda do Espirito Santo e sua vontade de vencer as tentações.

Nesses dias tão difíceis na terra, temos encontrado tanta gente deixando Jesus por causa das drogas, do álcool, da prostituição, da pornografia na internet, por não controlar seus desejos carnais e com isso o diabo tem investido pesado e a cada dia, fica mais fácil ver a imoralidade bem perto da gente, só basta sair na rua e olhar para um outdoor e logo veremos uma ação satânica onde tem despertado o desejo carnal de muita gente, ao acessarmos a internet vemos muitas coisas que pode nos levar a pecar, porém é necessário vigilância pois a qualquer momento o noivo vai voltar e como Ele vai te encontrar? Será que Ele vai te encontrar na frente de um computador se masturbando? Ou se prostituindo nas salas de bate papo? 
Cuidado crente a coisa é mais séria do que se pode imaginar.

“Se o seu olho direito o fizer pecar, arranque-o e lance-o fora. É melhor perder uma parte do seu corpo do que ser todo ele lançado no inferno. E se a sua mão direita o fizer pecar, corte-a e lance-a fora. É melhor perder uma parte do seu corpo do que ir todo ele para o inferno.” Mateus 5:29-3 (É claro que essa palavra é no sentindo figurado, porque é necessário controlar os desejos da carne, Elias foi um dos maiores profetas da Bíblia, porém a palavra nos diz que ele era sujeito as mesmas paixões que todos nos.)

O primeiro passo para o crente se livrar da tentação é através da oração e a fé, não basta apenas orar, tem que clamar a Deus com fé que Ele vai fazer alguma coisa, o segundo passo é a leitura da palavra de Deus diariamente, a palavra de Deus é viva e eficaz, o terceiro passo é procurar viver longe daquilo que você considera tentador, se possível passar alguns dias longe das redes sociais,  faça de tudo pra ficar longe de tudo que pode fazer você pecar. Essas são algumas dicas, em breve escreverei outro artigo sobre esse assunto, mas se você quer mesmo mudar de vida comesse por essas dicas e peça a ajuda do Espirito Santo.

Vigia o diabo que te matar e essa matar que eu falo não é um morrer físico e sim espiritual. O diabo que detonar a tua comunhão com o Pai e te afastar de Deus a ponto de te levar para o inferno, cuidado! Jesus te ama e tem planos para o teu futuro.



Fiquem com Deus!

por Rinaldo Ribeiro

Geração Jovem

40 dias de oração pela igreja no mundo muçulmano.




"E tudo o que pedirem em oração, se crerem, vocês receberão." Mateus 21.22


Diariamente, a Portas Abertas tem o desafio de informar à igreja brasileira sobre a perseguição nos mais de 60 países onde há atuação ativa da organização. Anualmente, há a Classificação da Perseguição Religiosa, responsável por eleger os 50 países onde há mais perseguição.

"Orem por nós" é o principal pedido dos cristãos perseguidos quando são questionados sobre "o que podemos fazer por eles". Devido a isso, somos pessoas de oração e queremos convidá-lo a orar durante 40 dias pela Igreja Perseguida no mundo muçulmano.

Em 40 dos 50 países, cristãos são perseguidos, principalmente, pelo extremismo islâmico. Isso representa 80% dos países em que servir a Cristo pode custar a vida. E custa.

Conheça as dificuldades dos cristãos que vivem nesses países e seja desafiado a orar diariamente por eles.


Com informações Portas Abertas Brasil

10 Homens que Mulheres cristã nunca deve casar.


Hoje eu tenho várias amigas solteiras que gostariam muito de encontrar o cara certo.Alguns me dizem que as colheitas são escassas em sua igreja, e por isso se aventuraram no mundo do namoro online. Outros têm jogado para cima suas mãos em desespero, querendo saber se há qualquer cara cristão decente deixados em qualquer lugar. Elas começaram a se perguntar se eles deveriam reduzir seus padrões, a fim de encontrar um companheiro.
Meu conselho é: Não se contentar com menos do que o melhor de Deus. Hoje muitas mulheres cristãs têm terminado com um Ismael porque a impaciência empurrou-los em um casamento infeliz. Por favor, tome o meu conselho paternal: Você é muito melhor do que com o único cara errado!
Falando de "caras errados," aqui estão os 10 homens que você deve evitar quando estiver pensando em casar e ter uma família abençoada.
1. O incrédulo. Em 2 Coríntios 6:14 diz: "Não se ponham em jugo desigual com descrentes. Pois o que têm em comum a justiça e a maldade? Ou que comunhão pode ter a luz com as trevas?" (NVI). Esta não é uma regra religiosa desatualizado. É a Palavra de Deus para você hoje.
Não permita que o charme de um homem, olhar ou o sucesso financeiro (ou a sua vontade de ir à igreja acompanhada) empurrá-lo para comprometer o que você sabe que é certo. "Namoro Missionário" nunca é uma estratégia sensata. Se o cara não é um cristão nascido de novo, arrance ele de sua lista. Ele não é certo para você. Eu ainda tenho que encontrar uma mulher cristã que não se arrependeu de se casar com um incrédulo.
2. O mentiroso. Se você descobrir que o homem que você está namorando mentiu para você sobre seu passado ou que ele está sempre cobrindo suas trilhas para esconder seus segredos de você, corra para a saída mais próxima. O casamento deve ser construídao sobre uma base de confiança. Se ele não pode ser verdadeiro, acabe agora antes que ele lhe cause uma decepção ainda maior.
3. A Playboy. Eu gostaria de poder dizer que se você encontrar um cara legal na igreja, você pode assumir que ele está vivendo em pureza sexual. Mas isso não é o caso hoje. Eu já ouvi histórias de horror sobre homens solteiros que servem na equipe de adoração no domingo, mas agem como ímpios durante a semana. Se você se casar com um cara que estava dormindo com outras antes de seu casamento, você pode ter certeza de que ele estará dormindo com outras depois de seu casamento.
4. O caloteiro. Há muitos homens cristãos sólidos que apresentaram falha conjugais anos atrás. Desde seu divórcio, eles experimentaram restauração do Espírito Santo, e agora eles querem se casar novamente. Segundo casamento pode ser muito feliz.Mas se você descobrir que o homem que você está namorando não vai cuidar de seus filhos de um casamento anterior, que acabou exposta uma falha fatal. Qualquer homem que não vai pagar por seus erros passados ​​ou apoiar as crianças de um casamento anterior não vai tratá-lo de forma responsável.
5. O viciado.Os homens que têm dependência de álcool ou drogas aprenderam a esconder os seus problemas, mas você não quer esperar até sua lua de mel para descobrir que ele é um viciado. Nunca se case com um homem que se recusa a obter ajuda para o seu vício. Insistir para que ele procure ajuda profissional e ir embora. E não entrar em um relacionamento co-dependente na qual ele afirma que ele precisa de você para ficar sóbrio. Você não pode consertá-lo.
6. O vagabundo. Eu tenho uma amiga que percebeu depois que ela se casou com seu namorado que não tinha planos para encontrar um trabalho estável. Ele tinha inventado uma grande estratégia: Ele ficou em casa durante todo o dia e jogado jogos de vídeo game, enquanto sua esposa profissional trabalhou e pagou todas as contas. O apóstolo Paulo disse aos Tessalonicenses: "Se alguém não está disposto a trabalhar, então ele não é para comer" (2 Ts. 3:10). A mesma regra se aplica aqui: Se um homem não está disposto a trabalhar, ele não merece se casar com você.
7. O narcisista. Espero sinceramente que você possa encontrar um cara que é bonito.Mas cuidado: Se o seu namorado passa seis horas por dia no ginásio e envia regularmente fotos de seu bíceps no Facebook, você tem um problema. Não caia para um cara auto-absorvida. Ele pode ser bonito, mas um homem que está apaixonado por sua aparência e suas próprias necessidades nunca será capaz de amar você sacrificialmente, como Cristo ama a Igreja (Ef. 5:25). O homem que está sempre olhando para si mesmo no espelho nunca vai observá-la.
8. O agressor. Os homens com tendências abusivas não conseguem controlar sua raiva quando se ferve. Se o cara que você está namorando tem uma tendência a perder as estribeiras, seja em você ou outras pessoas, não ser tentado a racionalizar o seu comportamento. Ele tem um problema, e se você se casar com ele você terá que navegar em campo minado todos os dias para evitar desencadear outra explosão. Os homens irados machuca mulheres verbalmente e às vezes fisicamente.Encontre um homem que é suave.
9. O homem-criança. Pode me chamar de antiquado, mas eu sou suspeito de um cara que ainda vive com seus pais aos 35 anos. Se sua mãe ainda cozinha, limpar e passar nessa idade, você pode ser certeza que ele está preso em um túnel do tempo emocional. Você está pedindo para ter problemas se você acha que pode ser uma esposa de um cara que não cresceu. Afaste-se e, como amigo, incentive ele a encontrar um mentor que possa ajudá-lo a amadurecer.
10. O excesso de controle. Alguns caras cristãos hoje acreditam que a união é sobre a superioridade masculina. Podem citar as Escrituras e som super-espiritual, mas por trás da fachada de autoridade marital é profunda insegurança e orgulho que pode se transformar em abuso espiritual. Primeira Pedro 3: 7 Do mesmo modo maridos sejam sábios para tratar suas esposas como iguais. Se o homem que você está namorando só coloca você para baixo, faz comentários depreciativos sobre as mulheres ou parece esmagar seus dons espirituais, recue agora. Ele está em uma viagem de poder. Mulheres que se casam com controladores religiosos muitas vezes acabam em um pesadelo de depressão.
Se você é uma mulher de Deus, não venda o seu direito de primogenitura espiritual ao se casar com um cara que não merece você. Sua decisão mais inteligente na vida é esperar por um homem que venha mandado de Deus, para ajudar você na caminhada cristã.
Retirado do site charismamag.com desde já agradecemos.J. Lee Grady é o ex-editor do Carisma e do diretor do Projeto de Mordecai
Tradução Geração Jovem.com

Não sou casada no papel. Posso tomar santa ceia?

Posso tomar santa ceia mesmo sem ser casada no papel?




Você Pergunta: Antes de me converter e conhecer os caminhos do Senhor eu já vivia amasiada com meu atual companheiro há cerca de 15 anos. Agora que me converti reconheço que preciso acertar a nossa situação. Já me batizei, mas estou em dúvida se devo participar da ceia ou não. Isso porque meu companheiro não aceita se casar certinho de papel passado, pois ele ainda não é cristão e quer que as coisas continuem como estão. O que devo fazer? Não poderei nunca tomar a santa ceia se ele não aceitar regularizar a nossa situação?
Cara leitora, essa sua situação tem sido a dúvida de muitas pessoas que antes de se converter viviam vidas longe de Deus, mas após a conversão, desejam mudar aspectos que não agradam a Deus e que também as incomodam por causa da nova vida em Cristo. Gostaria de fazer algumas considerações sobre esse seu caso, a fim de chegarmos a uma conclusão acertada e bíblica sobre o assunto:

Posso tomar Santa Ceia estando amasiada?

(1) A grande marca que vemos na vida de cristãos verdadeiros é o desejo de mudar aspectos de suas vidas que não agradam a Deus e que foram contraídos quando ainda não conheciam a Cristo. Inclusive, isso é muito ensinado na Bíblia: “Pois, outrora, éreis trevas, porém, agora, sois luz no Senhor; andai como filhos da luz” (Efésios 5:8). Quando essas mudanças dependem exclusivamente de nós mesmos creio que tenhamos uma responsabilidade maior de lutarmos contra o que está errado e implantar aquilo que é correto e de acordo com a vontade de Deus. Mas nem sempre é assim. E no caso de um casal amasiado, onde um se converteu e o outro não? Será que tudo de errado que possa haver nesse casamento é responsabilidade da parte que é cristã?

(2) Uma união onde apenas um dos dois se converteu, oferecerá algumas dificuldades a mais para o novo convertido. Mas devemos olhar essa questão com atenção. No caso da sua pergunta sobre o marido não desejar regularizar o casamento, penso que devamos pensar que a Bíblia é clara quando diz que “…cada um de nós dará contas de si mesmo a Deus” (Romanos 14:12). Se a parte cristã tem o desejo de regularizar seu casamento, mas o companheiro resiste a essa questão, a parte cristã não pode mais ser culpada de viver amasiada. Alguns podem pensar que nesse caso a separação seria a solução, porém, a Bíblia é contra o divórcio e o aceita apenas em questões bem específicas, o que não é o caso aqui. Logo, essa mulher não pode ser culpada por uma situação que ela deseja resolver, mas não consegue por não depender somente dela, mas também do companheiro.

(3) Sendo assim, creio que a igreja em que você congrega não deve te proibir de participar da Santa Ceia, pois não seria justo você ser privada da comunhão por algo que não está somente em suas mãos resolver. Você deve sim participar de todos os benefícios de quem é nova criatura e está em Cristo. Mas converse com carinho com sua liderança sobre essa questão, tenho certeza que eles te ajudarão a conduzir-se com sabedoria.

(4) Porém, creio ser importante que você continue orando fervorosamente pela conversão de seu companheiro e também para que Deus amoleça o coração dele com relação a regularização do casamento de vocês, a fim de tranquilizar seu coração. Evite brigar por causa desse tema, mas pense com carinho na orientação bíblica para mulheres com maridos não crentes, que diz: “Mulheres, sede vós, igualmente, submissas a vosso próprio marido, para que, se ele ainda não obedece à palavra, seja ganho, sem palavra alguma, por meio do procedimento de sua esposa, ao observar o vosso honesto comportamento cheio de temor” (1 Pedro 3:1).Uma esposa sábia terá um grande poder em mãos para trazer seu esposo até a presença de Deus. Use esse poder!

fonte: www.esbocandoideias.com
 Presbítero André Sanchez

Quem é Deus? - Paulo Junior



Você conhece o Deus que você serve? conhece os seus desígnos? ou é como milhares de pessoas no mundo que o conhece apenas por ouvir falar? esta mensagem vai mudar sua maneira de ver Deus.Quem é Deus? - Paulo Junior






sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Quais as maneiras corretas de orar a Deus?

Quais as maneiras corretas de orar a Deus?

Você Pergunta: Faz três meses que sou convertida e tenho experimentado as bênçãos de Deus em minha vida. Eu tenho muita vontade de orar a Deus, de estar na presença Dele, se pudesse ficaria o dia inteiro louvando. Minha dúvida é a respeito de conversar com Deus. Eu gosto muito de falar com Deus quando estou no trânsito, na estrada, pois todos os dias viajo para ir trabalhar em outra cidade e sinto uma paz muito grande naquele momento entre Deus e eu. Será que é válido conversar com Deus assim, sem estar de joelhos na presença Dele?
Cara leitora, eu realmente fico muito empolgado em ver o seu desejo de buscar cada vez mais a Deus. Todo cristão deveria ter esse desejo ardente de estar na presença de Deus. Sobre a questão de como conversar com Deus de maneira correta, vamos analisar algumas passagens da Bíblia para responder a sua dúvida:


Como orar a Deus da maneira correta?

(1) O texto mais claro a respeito de oração que vemos na Bíblia foi a orientação de Jesus, que nos ensinou: “Tu, porém, quando orares, entra no teu quarto e, fechada a porta, orarás a teu Pai, que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará” (Mateus 6:6). Muitos acham que Jesus ensinou aqui que devemos apenas orar em nosso quarto ou em algum lugar fechado. No entanto, observando o contexto, vemos que Jesus estava condenando a prática da oração pública que muitos faziam com o objetivo de serem vistos como mais espirituais do que os outros (Mateus 6:5). Jesus mandou que não fizéssemos como eles (Mateus 6:8), antes, que praticássemos a oração de uma forma correta, com os objetivos corretos, e sempre focados em Deus.


(2) O lugar de uma oração, na verdade, pouco importa, desde que ela seja feita de coração a Deus. Vemos, por exemplo, Jesus orando em um jardim chamado Getsêmani (Marcos 14:32), Jesus orando em montes (Mateus 14:23), Jesus orando diante do túmulo de Lázaro (João 11:41), Jesus orando pregado na cruz (Lucas 23:34), etc. Isso mostra que os lugares não representam qualquer impedimento a oração.

(3) A forma física com que fazemos a oração também não faz diferença. Seja sentados, em pé, de joelhos, deitados, etc. Vemos, por exemplo, Esdras orando prostrado de joelhos (Esdras 10:1), o publicano orando em pé (Lucas 18:13), e em vários outros textos, apenas a citação de que as pessoas simplesmente oravam. Não vemos nos autores muito interesse em citar a forma física com que a pessoa orava, mas, tão somente, o principal, que era as pessoas orando por alguma causa e confiando suas orações ao Deus todo poderoso.



(4) O que a Bíblia orienta é que oremos. Somos incentivados a isso: “Orai sem cessar” (1Tessalonicenses 5:17). Isso significa que toda ocasião pode ser ocasião para orarmos. Se você tem essa oportunidade no trânsito, ore no trânsito, se pode se retirar para um lugar especial e orar como Jesus gostava muito de fazer, faça. Se não tem muitos momentos a sós por algum motivo, ore enquanto trabalha, ore enquanto cozinha, etc. O mais importante é ter uma vida de oração fervorosa, esse é o incentivo que a Bíblia nos dá, pois, a oração é muito proveitosa para a vida do crente!


www.esbocandoideias.com

terça-feira, 11 de agosto de 2015

5 razões para recomeçar quando você sofrer uma derrota

5 razões para recomeçar quando você sofrer uma derrota


Derrotas! Quem gosta delas? A derrota costuma nos trazer tristeza, frustração e, muitas vezes, dor. Daí não gostarmos muito da presença dela em nossa vida. Muitas pessoas sofrem grandes baques quando são derrotadas. A derrota exerce tamanho impacto na vida delas que costumam perder o ânimo. Alguns ficam tristes, ansiosos, depressivos e se perguntam se conseguirão superar a queda. Não é pequeno o número daqueles que desistem diante das derrotas, que perdem a capacidade de sonhar, que não creem mais que serão vitoriosos um dia. Felizmente uma derrota não é o fim. A Bíblia nos ensina cinco preciosas razões para não olharmos para a derrota como o fim, mas como uma oportunidade de recomeçar.


1) Recomece recebendo o perdão de Deus

Muitas de nossas derrotas acontecem porque pecamos contra Deus. Damos ouvidos à nossa carne, ao mundo, ao inimigo de nossas almas. O pecado acaba nos levando a derrota, ao que a Bíblia chama de caminhos de morte (Provérbios 16:25). Felizmente Deus tem misericórdia de nós e proveu uma forma de recomeçarmos. Essa forma chama-se arrependimento. Deus nos ensina que “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça” (1 João 1:9). Deus nos dá a oportunidade de recomeçarmos após uma derrota, recebendo o pleno perdão Dele.

2) Recomece com novas atitudes

Alguém já disse que atitudes iguais levam a resultados iguais. Quando somos derrotados precisamos avaliar a situação e identificar formas de fazer diferente. Se após uma derrota recomeçarmos agindo da mesma forma seremos derrotados novamente. É preciso traçar novas ações. A Bíblia diz algo interessante sobre esse tema: “e vos revistais do novo homem, criado segundo Deus, em justiça e retidão procedentes da verdade” (Efésios 4:24). Para recomeçar após uma derrota precisamos aprender a tirar a roupa velha, a roupa da derrota, e vestir-nos com uma nova roupa, que nos dará a capacidade de construir uma nova história, vitoriosa. Para que tenha efeito, essa nova roupa precisa ser pautada na justiça e retidão como nos ensina o texto.


3) Recomece com positividade

Sempre que passamos por uma derrota e buscamos um recomeço, é normal que surjam alguns sentimentos na nova caminhada. Geralmente após a animação inicial do recomeço costumamos ser muito tentados pela negatividade. Essa negatividade nos faz ver as coisas em preto e branco, trazendo à nossa mente o fantasma das derrotas anteriores. Muitas vezes nos leva a uma nova derrota, pois ficamos como que travados por uma negatividade paralisante. Por isso, precisamos recomeçar positivamente, tendo fé: “Ora, a fé é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não veem” (Hebreus 11:1). Negatividade gera incerteza, fé gera certeza, mesmo que nada esteja sendo visto.

4) Recomece com planejamento

Muitas das nossas derrotas acontecem porque não planejamos as coisas. Planejamentos nos ajudam a pensar com antecedência em questões importantes e antecipar a solução de problemas que podem surgir e causar a nossa derrota. A queda de um prédio pode ser impedida se os engenheiros projetarem com cuidado cada estrutura a fim de darem sustentação a ele. Jesus nos ensinou sobre isso: “Pois qual de vós, pretendendo construir uma torre, não se assenta primeiro para calcular a despesa e verificar se tem os meios para a concluir?” (Lucas 14:28).Recomeçar com um bom planejamento vai evitar que passemos vergonha diante de uma nova derrota.

5) Recomece sendo mais resiliente

Resiliência é uma palavra da física e significa a capacidade de alguns materiais retornarem ao seu estado original após sofrerem alguma pressão. Por exemplo, entre os materiais resilientes estão a espuma, a mola, o elástico. Devemos recomeçar como a espuma, que mesmo sofrendo pressões consegue retornar à sua posição original. Um exemplo clássico dessa característica foi Jó, que após receber notícias terríveis mostrou grande resiliência: “Então, Jó se levantou, rasgou o seu manto, rapou a cabeça e lançou-se em terra e adorou; e disse: Nu saí do ventre de minha mãe e nu voltarei; o SENHOR o deu e o SENHOR o tomou; bendito seja o nome do SENHOR!” (Jó 1:20-21). Jó sofreu grandes perdas, mas soube recomeçar sem amaldiçoar a Deus, foi resiliente e firme em suas posturas. Por isso, Deus fez dele um vencedor!


fonte: www.esbocandoideias.com

Esse vai pra o Céu da boca!

Fala pessoal, Tudo na paz? Não sei se você já escutou alguém dizer essa frase com alguém: “Esse aí vai pra o céu da boca”, ela pode até parecer engraçada, mas o significado dela na vida de um crente é muito sério, porque coloca em jogo a integridade e fidelidade daquele cristão”.


O que a gente ver por aí é o que os ensinos bíblicos mais combate, a Bíblia é bem clara em dizer que nós crentes temos que ser diferente e fazer a diferença nesse mundo.

-Não ameis o mundo nem o que nele existe. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele. 1 João 2:15
-Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens. Mateus 5:13
-Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte;Mateus 5:14

E vários outros texto que nos mostra o quanto devemos ser diferentes nesse século perverso e cheio de tantas coisas ruins, mas parece ser mais atraente fazer o que a carne deseja e esquecer dos ensinos de Jesus e do seu sacrifício na cruz para que hoje tivéssemos vida e vida em abundância.
Quando o crente começa a querer parecer com o mundo, as pessoas já não ver mais o brilho do Espirito Santo em sua vida, ele ou ela pode até ir pra igreja, mas o seu coração está longe de Deus e quando abre a boca para dizer que é crente, é zombado até pelos seus próprios amigos.

Não podemos servir a dois senhores, pois teremos que escolher a quem queremos mais agradar, se você não quer escutar mais piadinhas como o título desse post, comesse hoje a mudar a formar de andar, de vestir, de falar, mude por completo, peça ajuda ao Espirito Santo de Deus que Ele vai te ajudar a ser um crente fiel no meio de uma geração pecadora, vivendo dessa maneira você vai acabar indo pra o céu da boca mesmo!

É tempo de mudar  e viver a vontade de Deus na terra, pois a qualquer momento o Rei está Voltando e como vai ser para você!?

Tenha uma semana muito abençoada!

Por Rinaldo Ribeiro
Geração Jovem

Cadastre seu email e receba nossas novidades