quinta-feira, 5 de março de 2015

Arqueólogos encontram casa onde Jesus pode ter passado a infância


Arqueólogos encontram casa onde Jesus pode ter passado a infância


Uma descoberta em Nazaré ganhou destaque na imprensa internacional por ser anunciada pelos arqueólogos como a possível casa onde Jesus foi criado por Maria e José.
A construção foi descoberta em 1880 por freiras no Convento das Irmãs de Nazaré, mas só após 2006 é que arqueólogos liderados por Ken Dark, da Universidade de Reading, no Reino Unido, que identificaram o imóvel como sendo uma casa pertencente ao primeiro século.
Os pesquisadores descobriram que as pessoas que viveram séculos após a época de Jesus acreditavam que ele havia sido criado ali, infelizmente não tem como comprovar de fato, mas Dark acredita na possibilidade da informação ser verdadeira.
“Foi esta a casa onde Jesus cresceu? É impossível dizer por motivos arqueológicos. Por outro lado, não há nenhuma boa razão arqueológica para que tal identificação não seja levada em consideração”, disse o pesquisador para a revista “Biblical Archaeology Review”.
Pelos estudos feitos pela a equipe de Dark, séculos depois do tempo de Jesus o Império Bizantino decorou a casa com mosaicos e construiu na casa uma igreja chamada de “Igreja da Nutrição”, o que fez com que o imóvel ficasse preservado.
Quando a igreja parou de funcionar o local se tornou um abrigo para soldados das cruzadas que se aventuraram na Terra Santa no século XII. Essas descobertas sobre o uso da casa para outros fins apontam que tanto os bizantinos como os soldados acreditavam que Jesus havia sido criado naquele local.
Um dos detalhes que comprovam que de fato uma família judia viveu naquela residência foi a descoberta de potes de cozinha quebrados e vasos de pedra calcária. Os judeus usavam vasos de calcário por acreditarem que o material não poderia se tornar impuro.
A afirmação de que Jesus morou ali foi feita após encontrarem uns textos de 670 d.C. escrito pelo abade Adomnàn, da ilha escocesa de Iona. A carta citava a existência de uma peregrinação a Nazaré feita pelo bispo franco Arculf, mencionando uma igreja construída “onde antes havia a casa na qual o Jesus foi alimentado durante a infância”, por isso o nome da igreja era “Igreja da Nutrição”. Com informações O Globo

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Cadastre seu email e receba nossas novidades